• Percival Puggina
  • 12/09/2021
  • Compartilhe:

A NUDEZ DAS CORTES

 

Percival Puggina

 

Expostos a sucessivos choques de realidade, os opositores mais ferrenhos do presidente da República estão atarantados. Projetaram sobre ele seus fantasmas pessoais. Para todos os efeitos, o futuro do país resultaria das ações desse terrível personagem no ambiente a ser criado pelo projeto político oposicionista. Ora, quem conta estórias sobre o que vai acontecer na vida real acaba trombando contra o concreto duro dos fatos. É um processo autodestrutivo, que muitos estão descobrindo tarde demais. Os fatos são teimosos.

Mesmo antes da campanha eleitoral de 2018, a mídia militante brasileira cuidou de moldar em seu imaginário criativo um Bolsonaro homofóbico, xenófobo, racista, machista, misantropo.  Essas acusações, não encontrando fundamento em ações do presidente, ou em medidas do governo, foram deixadas de lado para que ele, no imaginário dos romancistas da mídia militante, virasse miliciano e genocida.

Como tampouco por aí os fatos corresponderam à conduta do personagem inventado, a criatividade dos novos autores da história passou a acusar o presidente de ser um rematado e histórico golpista.

Veio o 7 de setembro. Milhões de brasileiros saíram às ruas em todo o país. Não houve um carro arranhado, um vidro quebrado. A ninguém antes, os cidadãos brasileiros concederam tão explícito e pacífico apoio. Que uso fez dele o presidente? O teimoso, turrão, brutamontes inventado pela mídia mostrou sua musculatura política e, no passo seguinte, desmascarando os verdadeiros golpistas, derrubou os historiadores do futuro. 

O descontentamento com que receberam a Carta à Nação mostrou o real interesse de seus adversários. É inevitável, agora, a exposição dos verdadeiros golpistas e a identificação dos construtores do conflito entre os poderes.

Está doendo e visível como fratura exposta a crise da democracia representativa no Brasil. Ela é permanentemente desacreditada pelas tramas, insensibilidade, incompetência e pelo desprezo da cúpula do Congresso Nacional à “incômoda” voz das ruas. Logo após as manifestações do dia 7 de setembro, o presidente do Senado suspendeu as sessões dos dias subsequentes e fechou as portas!

Quem é golpista? Quem estica a corda? Quem desarmoniza os poderes? Qual a instituição de Estado que não cumpre seu papel? Qual a que ultrapassa os limites impostos pela Constituição? Quem quer o insucesso do governo?

Não é o rei que está nu. São as inteiras cortes de Brasília, na hora da verdade.

Percival Puggina (76), membro da Academia Rio-Grandense de Letras, é arquiteto, empresário e escritor e titular do site www.puggina.org, colunista de dezenas de jornais e sites no país. Autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia; Pombas e Gaviões; A Tomada do Brasil. Integrante do grupo Pensar+.

 

 

 

 


José Vicente -   20/09/2021 17:29:58

A propósito do que escreve o leitor Egas Moniz, proponho a seguinte campanha em 2022: “NÃO REELEJA SENADOR DE RABO PRESO”, a ser cursada em todas as plataformas digitais. Com isso, não teremos os Pachecos, Renans e Alcolumbres atrapalhando o país.

carlos edison domingues -   19/09/2021 16:17:17

PUGGINA. O comprometimento e o desempenho de integrantes do S.T.F. e do Congresso Nacional envergonha a Nação. Carlos Edison Domingues

Cantidio Dantas -   19/09/2021 10:59:35

Perfeito,conciso e preciso professor. Viva este grande Brasileiro

Cantidio Dantas cantidio@ -   19/09/2021 10:56:51

Não podia deixar de ser

MARCOS HALLIDAY -   17/09/2021 15:31:16

Meu caro Aureo acho vc esta no lugar errado, no tempo errado; o tal supremo é o causador dessa tremenda danação junto com uma mídia militante!

Egas Moniz Pascoal Batista -   17/09/2021 11:54:48

Senhor Percival, bom dia. Sou seu leitor e o admiro muito. Lúcido e honesto. Um brasileiro igual aos milhões que inundaram as ruas e praças deste Brasil imenso e sofrido. Quero desabafar neste espaço em que pessoas mostram sua indignação e nele coloco a minha: sou mineiro e tive a infelicidade de praticar um crime que foi votar no atual presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. Deslustrei com malsinado voto as tradições mineiras. Esse senadorzinho de merda é um traidor dos ideais de Tiradentes, lacaio e sabujo das Cortes.

Aureo Ramos de Souza -   15/09/2021 18:09:55

Sem palavras, infelizmente o Brasil chegou ao caos e não sabemos onde chegar. O presidente que queria nos dá comprimido sem eficácia, um turbilhão de mentiras dos seus asseclas e o próprio descumprindo as leis de não usar máscara . Nunca jamais em tempo algum vi um presidente desta estirpe e se acontecer as eleições para 2022 vem outro que fez de tudo e o supremo derrubou todo seu roubo. Tenho 75 anos e fui estudante e ainda me lembro dos trotes quando passava no vestibular. Infelizmente não temos nome para um próximo. E a Amazonia se acabando. SEI LÁ SABE.

Paulo Antônio Tïetê da Silva -   14/09/2021 17:49:36

Em todo o mundo e, principalmente no Brasil, a oposição esquerdista quer conquistar o poder a qualquer preço. Para ela, não importa que isso faça o Pais entrar em uma profunda e desumana crise econômica. E o famoso "os fins, justificam os meios".

Maceira -   13/09/2021 20:37:15

excelente texto .

José Rui Sandim Benites -   13/09/2021 09:40:32

Excelente conclusão, como sempre em texto irretocável o professor Puggina demonstra como faltam com a verdade. Querem impor para outrem o que eles costumam fazer. Mas a verdade sempre triunfará. O tempo é o Senhor da razão.

Mirza Maria -   13/09/2021 09:12:51

Na política a oposição é normal, no momento atual a oposição é brutal, irracional e a narrativa negativa elevada à enésima potência, com um aliado de peso o STF cada dia mais supremo e interpretando a Constituição para atender os objetivos. A narrativa de golpe, incitação à violência invadindo o Congresso e acabar com o próprio STF são argumentos utilizados à exaustão. A esquerda atua como o cavalo de Tróia , tanto histórico como na informática, tenta confundir utilizando a estratégia comunista ” divida seu inimigo “.

Décio Antônio Damin -   13/09/2021 09:03:52

Um equívoco é achar que quem estava nas manifestações do 7 de setembro representava o todo da população brasileira...! Isto não é verdade pois quem lá estava era, sim, a parcela que o apoia a despeito de quaisquer fatos...! A situação do Brasil é extremamente preocupante e tal tem vários responsáveis, uns mais, outros menos, mas nós que, como um todo, estamos sendo jogados de um lado para o outro, e sofrendo as consequências, em breve acordaremos para conhecer, na sua integralidade, quem são os responsáveis pela situação...!

Maurissone -   13/09/2021 08:56:15

Bravo!

Silma -   13/09/2021 08:49:29

Sempre cirúrgico e brilhante em suas análises e comentários! “O herói da 2a Independência!!”

Francisco de Assis -   13/09/2021 08:34:21

A análise lúcida feita por Puggina com respeito dos verdadeiros golpistas, deixa a oposição sem a terceira, a quarta ou qualquer outra via que vier inventar para poder golpear a democracia.

Menelau Santos -   13/09/2021 08:08:22

Prezado Professor, parece um jogo de futebol onde um dos times comete várias infrações, pega a bola com a mão, chuta o adversário, puxa sua camisa e o juiz não dá nada. Enquanto que, qualquer coisa que o outro time faça dentro das regras, o juiz para o jogo e dá falta técnica (que ninguém sabe o que é). Para completar, a torcida é quase que toda a favor do time injustiçado e a única coisa que se pode fazer é xingar o juiz.

FERNANDO A O PRIETO -   13/09/2021 06:03:36

Muito bom! Parabéns por sua elevada capacidade de discenimento dos fatos e análise!

Eneida Simões Garcia -   13/09/2021 00:00:43

Excelente!!! Parabéns!!!

Menelau Santos -   12/09/2021 19:20:46

Professor Puggina, que maestria o Sr. se utiliza das palavras para dizer tão contundentes verdades!

PATRÍCIA GUERRA -   12/09/2021 15:33:45

EXCELENTE... SOU SUA FÃ

Laura Melhado! -   12/09/2021 15:19:36

Excelente texto! Você sempre muito esclarecido! Parabéns

Antonio Gomes -   12/09/2021 14:43:48

Análise correta , qual será a próxima narrativa?

Derlei Braga do Carmo -   12/09/2021 14:28:34

Sempre bons os textos. Equilibrado, realista e desejo de um Brasil melhor.

Roberto Rodrigues da Cruz -   12/09/2021 14:11:28

Parabéns persival Pugina pela sensibilidade, e obrigado por nos favorecer cooperando para o nosso entendimento.

Ivany Campanha -   12/09/2021 13:46:55

Como sempre, brilhante!!!!!.

Valdomiro Dourado -   12/09/2021 13:29:18

Cirúrgico como sempre, nosso professor Puggina....

Maria LF Cauduro -   12/09/2021 12:39:30

Beleza de artigo, Puggina! Parabéns!

Maria LF Cauduro -   12/09/2021 12:39:30

Beleza de artigo, Puggina! Parabéns!

Regina Alves -   12/09/2021 12:17:54

Excelente!

Eliana Pacheco Krummenuer -   12/09/2021 11:29:31

Excelente analíse.

Rita Braga -   12/09/2021 11:28:06

Vdd .

Alfonso -   12/09/2021 10:31:24

Concordo em gênero, grau e número, esperando a próxima narrativa

Elizabeth Fressato de Oliveira -   12/09/2021 10:26:07

Exato! O Sr. descreveu muito bem. Adoro suas publicações

Saulo Márcio Azevedo Santos -   12/09/2021 10:23:50

Faço minhas as suas palavras! Descreveu com maestria a hipocrisia reinante no planalto e na mídia! Parabéns Puggina!

OS CAÇA-FANTASMAS